Unipampa é credenciada para oferta de cursos na modalidade a distância O primeiro curso a ser ofertado EaD é Licenciatura em Letras-Português

Por Franceli Couto Jorge

A Universidade Federal do Pampa (Unipampa) está credenciada para a oferta de cursos superiores na modalidade a distância. O parecer favorável do Conselho Nacional de Educação (CNE) foi publicado no Diário Oficial da União, no dia 03 de junho. O primeiro curso aprovado nesta modalidade é o de Licenciatura em Letras-Português, com duração de quatro anos e polo presencial em três Unidades Universitárias: Alegrete, Jaguarão e Santana do Livramento.

Cada campus selecionado como polo presencial do curso EaD de Letras – Português ofertará 25 vagas. A Matriz Curricular da graduação está organizada em quatro eixos articuladores: letramento e cultura acadêmica; linguagens, escolas e cultura; identidades, diferença e inclusão; identidades docentes e currículo. O ingresso de discentes está previsto para 2017 e deverá ser regido por processo seletivo específico. As aulas serão a distância e, semestralmente, devem ocorrer dois encontros presenciais para cada componente curricular.

Fonte: Portal UNIPAMPA

Notícia Relacionada:

Letras Português EaD é autorizado com nota quatro pelo MEC

MEC aprova mudanças para Educação a Distância

Foi homologada dia 10/03/2016 pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante, a resolução que consta do parecer número 564/2015, da Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação (CNE), que pretende uma mudança radical no marco legal da educação a distância em ensino superior no Brasil.
Confira a notícia na íntegra clicando aqui, e o parecer homologado: parecer_cne_ces_564_15
Fonte: UniRede

Repositório Digital busca dar visibilidade à produção científica da Unipampa

Por Aline Reinhardt da Silveira

A Universidade Federal do Pampa (Unipampa) disponibilizou na página do Sistema de Bibliotecas (Sisbi) o Repositório Digital de sua produção científica e intelectual. A ferramenta é um  instrumento de acesso aberto público que busca dar maior visibilidade à produção científica da Instituição. No ar desde 2014, o repositório conta com mais de 300 documentos disponibilizados até o momento.

Segundo a coordenadora do Sisbi, bibliotecária Vanessa Dias, o repositório  é um projeto da Coordenadoria do Sisbi Unipampa juntamente com o Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação (NTIC) e com os bibliotecários das unidades acadêmicas. “A sua finalidade é coletar e disseminar a produção científica desenvolvida na Unipampa. Pretende-se assim que todo o conhecimento  produzido pela comunidade acadêmica seja depositado no repositório”, explica. Ainda conforme Vanessa Dias, o repositório vem se aliar a iniciativas já desenvolvidas em outras universidades para promover o acesso aberto à informação. Repositórios como o da Unipampa proporcionam visibilidade à produção acadêmica e permitem que  a sociedade no geral tenha acesso ao conhecimento desenvolvido na Universidade.

Serão disponibilizados no repositório institucional Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC), Dissertações de Mestrado e Teses de Doutorado – produções essas que já são entregues com termo que autoriza sua publicação no repositório institucional. Também serão disponibilizados artigos produzidos por docentes, técnicos administrativos e discentes, respeitadas as normas de direito autoral das revistas nas quais os artigos foram originalmente publicados e conforme regramento da Resolução nº 106, de 27 de agosto de 2015, que trata da Política Informacional da Universidade. Há ainda áreas para publicação destinadas às Pró-Reitorias, nas quais estão disponibilizados os projetos pedagógicos de curso (PPC) dos cursos de Graduação e os regimentos dos cursos de Pós-Graduação.

Dúvidas sobre o que pode ser submetido ao repositório podem ser enviadas para o e-mail sisbi@unipampa.edu.br ou para o e-mail da Biblioteca de cada campus.

Acesse o Repositório Digital da Unipampa em http://dspace.unipampa.edu.br:8080

Conheça a página do Sisbi http://porteiras.r.unipampa.edu.br/portais/sisbi

Fonte: Portal UNIPAMPA

Letras Português EaD é autorizado com nota quatro pelo MEC

Por Aline Reinhardt da Silveira

Foi aprovado em avaliação do MEC o curso de Letras Português em modalidade de ensino a distância da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), que terá sede no Campus Jaguarão e polos em Alegrete e Santana do Livramento. O curso foi avaliado com nota quatro, numa escala de no máximo cinco, e reflete o perfil de qualidade da nova graduação. Este é o primeiro curso EaD a ser autorizado e ofertado pela Unipampa.

O curso terá duração de quatro anos. As aulas são a distância e estão programados dois encontros presenciais por semestre, estando previstos para cada componente curricular um encontro para aplicar uma avaliação e outro em, formato de aula. A Matriz Curricular está organizada contemplando quatro eixos articuladores: letramentos e cultura acadêmica; linguagens, escolas e cultura; identidades, diferenças e inclusão; identidades docentes e currículo. “Tais eixos apresentam verticalidade, ou seja, organização cumulativa e coerente de conteúdos, integração entre conteúdos e métodos dos componentes curriculares em todas as fases (semestres)”, explica a futura coordenadora do curso, professora Maria do Socorro Farias-Marques.

Em breve deve ser publicada portaria que formalmente credencia a Universidade e autoriza o primeiro curso. A expectativa é de que a primeira turma possa iniciar no primeiro semestre de 2016. Anualmente serão ofertadas 75 vagas, sendo 25 para cada um dos três polos. O ingresso no curso será por processo seletivo específico, e está previsto ainda um edital para entrada de uruguaios fronteiriços nos polos Jaguarão e Santana do Livramento.

“A autorização do Curso representa o credenciamento institucional para a oferta de outros cursos na modalidade a distância, ou seja, a Universidade passa a ter autonomia para propor novos cursos a distância em diferentes níveis e, assim, alcançar mais pessoas”, explica uma das articuladoras da proposta e docente do curso, professora Amanda Meincke Melo.

A coordenadora de Educação a Distância da Unipampa, professora Isaphi Alvarez, explica que a educação a distância extrapola distâncias e contribui para elevar o nível educacional de uma população, uma vez que democratiza a informação e o conhecimento. Ela avalia a importância de a Unipampa ser credenciada para o Ensino a Distância. “Aprovar o primeiro curso da modalidade nos insere nesses espaços abrangentes, cooperativos e desafiadores entre alunos, professores e instituições, que superam as barreiras das distâncias e colaboram para diminuir as diversas carências educacionais da região na qual estão inseridas. Esperamos que a autorização do curso de Letras Português na modalidade soe como um incentivador para a comunidade e surjam novas propostas em breve”, analisa.

Histórico

As discussões para criação do curso iniciaram em 2011. Em 2014, a Unipampa recebeu quatro visitas do MEC: uma para credenciamento da Instituição e três para autorização dos polos Alegrete, Jaguarão e Santana do Livramento. Além da Coordenadoria de Educação a Distância, a Reitoria e os docentes que participaram de todo o processo, estão envolvidos na implantação do curso os coordenadores de Polo, os tutores presenciais, os servidores dos três Campi e do NTIC/ STIC, assim como o apoio das equipes diretivas.

Fonte: Portal UNIPAMPA