O papel do NEABI

NEABI – NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS

O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (NEABI) do Campus São Gabriel é uma ação institucional que visa promover a reeducação das relações étnico-raciais tendo como finalidade:

a) Coordenar e promover a produção de conhecimentos e a realização de ações junto às diversas esferas da sociedade, contribuindo para a superação das diferentes formas de discriminação étnico-racial;

b) Promover ações de valorização da história e da cultura de matriz africana, afro-brasileiras e dos povos indígenas no Brasil e no mundo, atendendo às reivindicações consubstanciadas na Lei nº 10.639 de 9 de janeiro de 2003, na Lei nº 11.645 de 10 de março de 2008 e às legislações correlatas que propõem e regulam a inserção destes temas no âmbito das instituições de ensino brasileiras;

c) Interagir com a Coordenadoria de Ações Afirmativas da UNIPAMPA (CAF), buscando implantar projetos e ações de formação na educação para as relações étnico-raciais.

Os seus objetivos são:

a) A realização de atividades de ensino, de pesquisa e de extensão voltadas às temáticas da história e da cultura africana, afro-brasileira e indígena, contribuindo com a efetivação pelas instituições de ensino, do previsto nas leis 10.639 de 9 de janeiro de 2003 e na Lei nº 11.645 de 10 de março de 2008;

b) Promover debates na comunidade acadêmica e junto a sociedade civil sobre o combate ao racismo e todas as formas de discriminação étnico-racial;

c) Contribuir para o aprofundamento teórico-metodológico do ensino para as relações étnico-raciais, promovendo projetos de pesquisa, ensino e extensão que envolvam docentes, técnicos administrativos, discentes de graduação e pós-graduação e membros de outras instituições de ensino, bem como entidades vinculadas aos Movimentos Negros e Indígenas;

d) Dar suporte material e técnico aos acadêmicos e demais profissionais que desenvolvem atividades de pesquisa, ensino e extensão, a fim de contribuir para a visibilidade e o reconhecimento das temáticas desenvolvidas pelo Núcleo;

e) Dar suporte aos projetos de ensino, pesquisa e extensão de docentes e técnicos administrativos em Educação que compõem a equipe do núcleo, ou através de parcerias com outros núcleos, laboratórios e instituições, dentro e fora da UNIPAMPA, interessados em desenvolver projetos que façam uso de material referente às temáticas propostas pelo Núcleo para a difusão e produção dos conhecimentos;

f) Subsidiar políticas públicas de promoção de cidadania para todos os brasileiros, como forma de contribuir para a problematização e a superação da desigualdade étnico-racial e social no Brasil.

Fonte: Resolução UNIPAMPA nº 161, de 31 de outubro de 2016.